Maersk espera pico no volume de exportação de carne bovina no 4º tri

Pecuária Últimas notícias

A Maersk, empresa especializada em transporte marítimo, espera que o volume de exportação de carne bovina brasileira atinja um pico no quarto trimestre, impulsionado pela forte demanda chinesa, segundo relatório divulgado na quarta-feira (27).

A China aprovou novas plantas brasileiras a exportarem o produto ao país no fim de setembro e no início de outubro, o que deve colaborar para alavancar os embarques brasileiros de carne bovina nos próximos meses, conforme estima a Maersk e outros analistas e representantes do setor.

“Os melhores preços suportarão o crescimento, devido à desvalorização do real”, disse o diretor comercial da Maersk para a Costa Leste da América do Sul, Gustavo Paschoa.

Segundo a Maersk, as exportações de carne bovina para a Europa estão enfrentando dificuldades pois os consumidores estão optando cada vez mais por fornecedores locais ou fechados, como a Polônia.

Já as vendas para o Oriente Médio devem permanecer consistentes e estáveis, apesar de os exportadores terem perdido espaço para produtores locais, e da concorrência da Rússia e da Ucrânia.

 

Por Anna Flávia Rochas

Fonte: CarneTec Brasil

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *