Cafezais paulistas aumentam sua produção em 29,6%, em 2018

Café Últimas notícias

Foto: Claudio Correia

 

O Brasil lidera o ranking de produção e exportação de café no mundo. Um terço da produção global está aqui, 25% do café que é consumido no planeta é cultivado em nosso solo e, segundo o Instituto de Economia Agrícola (IEA), da Secretaria de Agricultura e Abastecimento, o Estado de São Paulo recebeu em 2018 – de janeiro a outubro- mais de R$ 433 milhões de dólares com  exportações.

Em 2017, o café ficou em nono lugar no ranking do Valor da Produção Agropecuária (VPA) paulista. Foram produzidas 4.5 milhões de sacas de café, em 200 mil hectares plantados, além dos 10 mil hectares de novas áreas. Os valores recebidos pelos produtores foram superiores a R$ 2 bilhões.

Devido à bienalidade da cultura, os números em 2017 caíram, quando comparados com o ano anterior. Entretanto, este ano é de alta e o IEA prevê que 5,8 milhões de sacas serão produzidas, o que representa um aumento 29,6%, segundo a estimativa divulgada pelo IEA.

Em 2018, o Escritório de Desenvolvimento Rural (EDR) de Franca, uma das principais regiões cafeeiras do país, deverá congregar 44,7% da produção paulista. No entanto, essa marca não consegue ser mantida todo ano em decorrência da bienalidade. Na sequência, pode-se observar que o EDR de São João da Boa Vista, que perfaz 18,8% da produção do Estado, mantém sua média anual, por conta de sua cafeicultura de montanha, que não são afetadas tão arduamente pelas mudanças climáticas.

 

Sec. de Agricultura de SP

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *