Marfrig próxima de fechar venda de Keystone para Tyson, dizem agências

Avicultura Geral
Por Editores de CarneTec em 30/07/2018

A Marfrig estaria próxima de fechar a venda da subsidiária de food service Keystone para a norte-americana Tyson Foods, segundo reportagens publicadas na mídia brasileira e estrangeira na sexta-feira (27) e no sábado (28).

As agências de notícias Bloomberg e Reuters e os sites dos jornais O Estado de S. Paulo e Valor Econômico publicaram notícias afirmando que houve avanço nas conversas com a Tyson, de acordo com fontes próximas à negociação.

A Marfrig e a Tyson Foods disseram à CarneTec no sábado que não comentariam sobre o assunto.

Segundo as agências Bloomberg e a Reuters, a Marfrig pretende levantar cerca de US$ 3 bilhões com a venda da Keystone.

A processadora de carnes brasileira anunciou no início de julho que recebeu ofertas vinculantes de compra da Keystone Foods, em mais uma etapa no processo de venda da companhia. Em maio, a Marfrig havia anunciado que cinco companhias competiam pela compra da Keystone.

A Marfrig decidiu vender a Keystone após anunciar a aquisição do controle acionário da National Beef Packing Company em abril por US$ 969 milhões e se tornar a segunda maior processadora de carne bovina do mundo.

 

Sobre a Keystone

Com sede nos EUA e operações na América do Norte e na Ásia-Pacífico, a Keystone é uma das empresas líderes globais na produção de alimentos processados de origem animal. A empresa opera 19 unidades produtivas nos Estados Unidos, na China, na Malásia, na Tailândia, na Coreia e na Austrália. Juntas, essas unidades totalizam um volume de vendas de cerca de 1 milhão toneladas de alimentos por ano, o suficiente para atender uma base de 30 mil clientes entre redes de restaurante e serviço rápido de alimentação como McDonald’s, Subway, Wendys, Iceland Foods Campbell’s.

Fundada em 1960 e adquirida pela Marfrig Global Foods em 2010, a empresa sempre teve a inovação presente no seu DNA. Na década de 1970, desenvolveu a técnica de congelamento com criogenia, que prolonga o prazo de validade, pois mantém os nutrientes e a textura originais dos alimentos. Também foi responsável pela criação dos nuggets de frango e dos filés moldados sem osso, formatos já difundidos em larga escala por restaurantes e linhas de pratos congelados.

Com foco na inovação, a Keystone mantém, três centros de pesquisa para o desenvolvimento de novos produtos, novos processos e novas tecnologias que visam aumentar a produtividade e a eficiência em toda a cadeia de fornecimento.

Para fortalecer a atuação na Ásia e no Oriente Médio, onde a empresa atende mais de 4 mil restaurantes, foram criadas duas joint venturesna China em 2011: uma com a COFCO, empresa de alimentos do governo chinês, e outra com a Chinwhiz Poultry Vertical Integration.

 

Fonte: CarneTec Brasil e www.marfrig.com.br/pt/marfrig-global-foods/divisoes/keystone

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *